fbpx
Cuidado Natural com Bebês – Troca de Fraldas e Pomadas
junho 22, 2016
Método de Higiene Natural Infantil
junho 22, 2016
Exibir tudo

Higiene Natural, Intuição e Instinto

Olá !

Neste vídeo conto um pouco minha experiência com o método de higiene natural

Gostou? Confira agora dicas passo à passo:

 

A base do ‘método de higiene natural infantil’ é um exercício de reconhecimento dos ciclos das crianças e uma prática de comunicação.

 

Cada criança tem seu tempo para conseguir usar o “troninho”, sendo necessário prestar atenção aos sinais de desenvolvimento físico e mental do bebê, além do controle dos esfíncteres. Assim que os pais perceberem que o filho pode ser desfraldado, eles devem começar a ensiná-lo a usar o “troninho” o quanto antes.

1 – Sinais de criança. A criança mostra que está incomodada com a fralda

2 – Começam a ver onde se faz xixi, onde usa o banheiro

3 – Verão é a melhor época do ano

4 – Estar presente com a criança no momento que faz xixi e coco, presença e som

5 – É fundamental apoiar o pé , ficar sem calça para que tenha conforto

6 – Comemore pequenos avanços !

 

O que é necessário?

Tempo, dedicação e paciência. Se não puder dispor destas qualidades ou arranjar a assistência necessária, este método não é adequado para si nem para o seu bebé.

Mas se este método lhe parece fazer sentido, se lhe soa bem, experimente! Não faz mal nenhum tentar e, se não resultar, pode voltar às fraldas a tempo inteiro.

 

Resumo do método

1. Observação – Deite o bebê sem fralda num sítio confortável, quente e seguro, e observe:

a) o ritmo (durante quanto tempo e com que frequência faz xixi e cocó depois de acordar ou de comer)

b) a linguagem corporal (a forma como se mexe e contorce ou os trejeitos que apresenta enquanto faz as necessidades)

c) sons (resmungos ou gemidos ao defecar)

Isto também se pode fazer usando um sling ou pano para carregar o bebé. Com efeito, andar com o bebé ao colo num baby sling é uma das melhores maneiras de nos familiarizarmos com o ritmo e os padrões de eliminação dele, já que nos apercebemos logo do que acontece. Há mães que andam com o bebé nu no sling, contra a pele delas, o que o mantém com a temperatura corporal perfeita. Se quiser, pode colocar uma fralda de pano debaixo do bebé enquanto ele andar no sling.  Mesmo que ande um pouco vestido e/ou com uma fralda de pano sem cobertura impermeável, vai aperceber-se quando ele fizer as necessidades.

2. Antecipação ou intuição

Antecipe o momento em que o seu bebê vai precisar de urinar ou evacuar e faça então um som de água a correr, como um “sssss”. Se o bebé começar enquanto está a observá-lo, faça imediatamente o som “sssss”. Ao fim de uns dias, o bebé associará esse som com a eliminação.

3. Posição e local

Quando achar que o bebê precisa de fazer xixi ou cocó, segure-o bem mas suavemente sobre o local escolhido para a função e emita um sinal audível (“sssss” ou o som/palavras que preferir). O bebê começará a associar o som, a posição e o local com a eliminação. Utilize o lugar e o recipiente que achar mais confortável e prático. Entre as muitas possibilidades contam-se a pia do banheiro,  um penico e ao ar livre.

4. Comunicação entre mãe e bebé

A partir de agora, preste muita atenção ao ritmo e aos sinais do bebê. Quando achar que ele está em vias de fazer as necessidades, segure-o na posição adequada e faça o seu sinal (som dica). Os bebê de colo conseguem descontrair os músculos ao ouvir as nossas deixas, se estiver quase no momento certo.

Como é que sei quando o bebé precisa de fazer xixi ou cocó?

Pode saber quando o bebé precisa de fazer as necessidades através de pelo menos um dos seguintes aspectos:

– Ritmo (ir olhando para o relógio)
– Sinais  (incluindo a linguagem corporal e as vocalizações)
– Padrões de eliminação (relação com a refeição, o despertar, etc.)
– Intuição e instinto

12189539_1278816132166985_873924724775392350_n

 

Deixe seu comentário

1 Comentário

  1. maria disse:

    Parabéns pelo site gostei muito. 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *